fbpx

Qual a importância de aumentar a diversidade racial da sua empresa

Diversidade é uma palavra que há algum tempo vem sendo destaque em todas as áreas da sociedade, seja trabalhar para aumentar a diversidade de gênero, raça, social ou incluir pessoas com algum tipo de deficiência pode trazer benefícios concretos não só para a sociedade como também para seu negócio. É importante entender que um time com perfis variados fica mais rico em talentos, melhora os resultados e contribui para alavancar os resultados da empresa. Mas será que você realmente entende o porquê e como aumentar a diversidade da sua empresa é importante? Nesse post você vai encontrar porque a diversidade racial é uma das principais apostas para o futuro da sua empresa.

Em um ambiente em que se respeita as diferenças, consequentemente haverá redução nos conflitos e maior engajamento dos colaboradores. Uma pesquisa da Harvard Business mostra que os conflitos são reduzidos em até 50% em relação às organizações que não investem em diversidade.

Investir em diversidade é melhorar o clima organizacional. Uma boa convivência dentro da empresa, respeitando as diferenças, faz que os colaboradores se sintam mais confortáveis e acolhidos, podendo diminuir o turnover (Turnover é um indicador que mede a quantidade de funcionários que deixam uma empresa durante um determinado período) da organização, consequentemente enriquece o repertório sociocultural e o capital intelectual da sua empresa e de seus colaboradores, tornando-os aptos a solucionar os mais variados problemas.

Segundo dados da edição 2020 do estudo “Diversity Matters” (“Diversidade Importa”, em tradução livre), conduzido pela consultoria McKinsey, apenas 21% dos profissionais brasileiros afirmam que sua empresa tem diversidade étnico-racial elevada. O estudo entrevistou 3.900 funcionários de 1.300 grandes companhias no Brasil, Chile, Peru, Argentina, Colômbia e Panamá. Isso porque 40% dos 269 respondentes relatou já ter presenciado discriminação no trabalho devido à identidade ou expressão de gênero, 35% por causa da idade e 30% por cor ou etnia.

No Brasil, pretos e pardos são maioria entre a força de trabalho com 54,9% de trabalhadores contra 43,9% de brancos, porém são maioria absoluta entre os desempregados, com 64,2% em relação a 34,6% de brancos a procura de emprego, além de terem um rendimento mensal menor de R$ 1.608,00 contra R$ 2.769,00 da população branca, segundo dados do IBGE.

Falando mais precisamente do mercado de tecnologia, os números mostram a discrepância com a qual os funcionários negros encontram dificuldade para conseguir um novo emprego, O levantamento Potências Negras Tec, realizada pela jornada Potências Negras, que foca o desenvolvimento da população preta e parda, O resultado mostra que 59% dos negros não trabalham na área de tecnologia, mas têm interesse em atuar nela. Entre os negros que estudam ou estudaram tecnologia, 41% trabalham na área

As dificuldades vão além da recusa nas entrevistas, questões como o alto investimento necessário, como cursos e equipamentos, além de muitas vezes o não domínio da língua inglesa, são fatores que podem afastar a maior parte da população brasileira, por isso, atitudes como não exigir inglês fluente ou avançado na contratação e investir nas skills dos colaboradores, são atitudes que visam melhorar e muito a diversidade dos funcionários.

Na amostra da pesquisa, a renda média familiar dos negros é R$ 6.469. Enquanto que para brancos é R$ 9.728. “O levantamento é mais uma constatação de que a discriminação racial está presente em todos os âmbitos da sociedade, inclusive no mercado de trabalho”, afirma Ana Minuto, cocriadora do Potências Negras. 

Mas afinal, incluir diversidade racial na minha além de socialmente importante, é igualmente rentável? Segundo resultado da pesquisa “Diversity Wins” da consultoria McKinsey, a resposta é sim. um estudo com mais de 1000 empresas de 15 países, revelou que a inclusão da diversidade em cargos executivos, tem um retorno financeiro de médio de 35% a mais do rendimento da empresa.

É por isso que a GoBots vem trabalhando para mudar esse paradigma em nossa grade de colaboradores, contamos recentemente com um banco de talentos voltado exclusivamente para candidatos que tragam todo tipo de diversidade a GoBots, aqui também não importa sua faculdade, sua idade, seu curso o que vale é o que você sabe.

No final, investir em diversidade não é apenas investir na sua empresa ou no seu funcionário, é investir para alcançarmos uma sociedade mais igualitária em todos os setores.

Quer vender mais com
Quer vender mais com inteligência?